Mitos e verdades sobre a Cloud Computing

O que você sabe sobre cloud computing? Provavelmente, você já ouviu falar nisso e agora está considerando se essa é a melhor opção para garantir o crescimento de sua empresa.

No entanto, algumas pessoas ainda têm dúvidas sobre os custos, eficácia e segurança das soluções em nuvem.

Pensando nisso, elaboramos este artigo com o objetivo de explicar o que é esse tipo de serviço e sanar algumas dúvidas comuns.  

Para começar, vamos definir o que seria cloud computing.

O que é cloud computing?

A cloud computing, ou computação em nuvem, é a tecnologia que permite acessar um software ou outras informações por meio de qualquer computador, tablet ou celular conectados à “nuvem”, ou seja, à internet.

Dessa forma, o usuário fica menos dependente de equipamentos físicos, visto que para utilizar os serviços e recursos basta ter uma conexão com a internet. 

Para entender melhor como isso é possível, vamos analisar o funcionamento da cloud computing. 

Como funciona a cloud computing?

Em primeiro lugar, antes de nos aprofundarmos, é preciso compreender o que é um servidor, trata-se de uma categoria de computador, com processadores superpotentes, que vai fornecer serviços a uma rede de computadores.

Com isso em mente, a computação em nuvem utiliza um servidor remoto para armazenar dados e possibilitar que o usuário os acesse a partir de qualquer dispositivo desde que esteja conectado à internet.

Existem 3 formas de cloud computing, que são:

  • Pública: os recursos são fornecidos e disponibilizados via internet por provedores de serviço terceirizados. Nesse modelo, o provedor é o responsável pela segurança e manutenção.
  • Privada: proporciona recursos similares aos da pública, no entanto, a infraestrutura acontece no próprio ambiente da empresa. Nesse caso, o foco é garantir mais segurança e privacidade de dados.
  • Híbrida: é a união das duas formas anteriores, com o objetivo de adaptar a nuvem ao perfil particular do seu negócio, assim, alguns recursos vão seguir o modelo público e outros o privado.

Mas, é provável que você ainda tenha algumas dúvidas sobre a cloud computing. Por isso, veja no próximo tópico o esclarecimento de algumas delas.

Quais os mitos e as verdades sobre a computação em nuvem?


Será que a cloud computing é realmente confiável? É uma forma segura de guardar os dados da minha empresa? Talvez, você já tenha feito questionamentos similares a esses.

Pensando nisso, separamos 4 dúvidas comuns sobre a computação em nuvem e vamos descobrir quais são mitos e o que é verdade.

1. Permite a escalabilidade

VERDADE. Ao utilizar a cloud computing, você pode concentrar sua atenção em traçar metas estratégicas que proporcionem crescimento a sua empresa.

A computação em nuvem possibilita uma solução escalável para sua infraestrutura de TI, já que você pode adaptá-la a mesma velocidade de crescimento de seu negócio.

Afinal, os serviços já estão disponíveis, não é necessário criá-los. Para ampliar é só fazer alterações em seus pacotes de soluções contratadas.

2. Os custos de investimento são muito altos

MITO. Muitos acreditam que contratar um serviço de cloud computing seja caro. Entretanto, isso não é exatamente assim.

Em primeiro lugar, as empresas que trabalham com cloud vão oferecer soluções adequadas à realidade e às necessidades de sua empresa. 

Além disso, como já vimos, a computação em nuvem facilita a escalabilidade, por consequência, isso gera redução de custos.

Vale ressaltar que investimento é um gasto realizado que produz retorno futuro.

Com isso em mente, quando pensamos no valor de aderir a uma cloud computing, é importante compreender que o retorno sobre o investimento (ROI) é o que faz toda a diferença. 

Então, se o seu objetivo é propiciar crescimento ao seu empreendimento, lembre-se que isso não vai acontecer sem nenhum investimento.

3. Não é uma maneira segura de guardar dados 

MITO. Pelo contrário, a cloud computing aumenta a segurança e proteção dos seus dados, uma das razões é porque usa a criptografia.

Ou seja, as suas informações recebem proteções que impedem que invasores sejam capazes de decodificá-las.

Principalmente, com a adoção da LGPD, existe uma grande preocupação com o armazenamento e tratamento de dados, tanto internos como externos.

Outro ponto importante é que a computação em nuvens possibilita a recuperação de dados se houver danos ao seu sistema local, por exemplo, no caso de ataques ransomwares.

Além disso, ela também permite que os arquivos fiquem disponíveis para consulta e acesso por um período indeterminado, você pode acessá-los sempre que surgir uma necessidade.

É claro que existem riscos à segurança também na nuvem, porém, em comparação às ameaças e vulnerabilidades locais, é uma opção muito mais segura.

4. Facilita o trabalho em equipe

VERDADE. O trabalho em equipe exige maior dinamismo no compartilhamento de informações, e a cloud computing proporciona isso.

Atualmente, muitas empresas funcionam em regime home office e aderir a uma estratégia na nuvem garante que os colaboradores possam trabalhar em conjunto, independentemente de sua localização geográfica.

Agora, já consideramos alguns dos benefícios da computação em nuvem. No entanto, vamos descobrir quais são os modelos de serviços disponíveis.

 

Quais são os modelos de serviços da Cloud Computing?

Ao analisar o mercado, você vai perceber que há algumas classificações para os serviços em nuvem.

Por isso, conheça os 3 tipos de serviços mais comuns:

SaaS 

O Software como Serviço (SaaS) é quando o programa é executado diretamente no ambiente virtual. Dessa maneira, tudo o que o usuário precisa fazer é acessá-lo através da internet.

Geralmente, quem usa esse modelo é o usuário final, podemos citar como exemplo: os aplicativos de CRM, ERP, entre outros.

PaaS

No caso do PaaS (Plataforma como Serviço), ocorre a contratação do ambiente on demand, que permite a criação e gerenciamento de softwares.

Dessa forma, a equipe de desenvolvimento não precisa se preocupar com a gestão da infraestrutura.

IaaS  

Por último, a Infraestrutura como Serviço (IaaS) é quando todos os componentes da infraestrutura são alugados.

Nesse caso, pode-se incluir:

  • *Recursos de rede;
  • *Data Centers;
  • *Soluções de hardware;
  • *Entre outros.

Uma grande vantagem é que esse modelo é personalizável ao perfil do seu empreendimento e adaptável à demanda da empresa, eliminando custos desnecessários.

Em resumo, a utilização de um cloud computing pode contribuir para a escalabilidade do seu negócio, ajudar a diminuir os custos, garantir mais segurança e proteção de dados e propiciar o trabalho em conjunto mesmo em equipes remotas.

Por fim, se quiser saber ainda mais sobre computação em nuvem e solucionar completamente as suas dúvidas, então assista ao webinar que nossos especialistas fizeram sobre esse assunto.

Pensando em todos os benefícios, por que não considerar aderir ao cloud computing em sua empresa? A inovTI Cloud & Datacenter é especialista em serviços IaaS. Conheça nossas soluções!

0 Compart.
Compartilhar
Compartilhar